quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Cenas da vida quotidiana - Olha o passarinho

10 e tal da manhã, Avenida E (aka D. João III), Ponta Delgada. Enorme aparato policial. Maior densidade de carros e agentes por metro quadrado do que numa esquadra e arredores. Os carros circulam à velocidade do costume e estacionam em segunda fila como sempre. Então o que havia de especial? Um cameraman da RTP-A. Moral da história: se não quisermos ser parados numa operação stop, mandamos um cameraman seguir à frente do nosso carro. Enquanto os agentes se aprumam para a câmara, não têm tempo para nos mandarem parar.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

À atenção de quem superintende essa coisa dos provérbios

Levantar cedo depois de uns quantos dias a levantar tarde não dá saúde, nem tão pouco faz crescer.

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

E ainda não bebi nada

Uma pessoa quer escrever o seu nome num postal de Natal usando uma caligrafia mais artística e depois apercebe-se de que deu um erro de ortografia no próprio nome.

Vamos mostrar como fazemos o bem... fazendo o mal

Uma empresa gráfica cá da terra mandou imprimir 1000 exemplares, de 50 páginas cada, do seu Relatório de Desempenho Ambiental. Ou muito me engano ou o relatório apresentaria melhores resultados caso esta empresa se tivesse limitado a apresentá-lo em PDF no seu site.

sábado, 20 de dezembro de 2008

Visitar sites governamentais prejudica gravemente a saúde do seu computador

Faz-se uma pesquisa no Google por algo que não tem nada a ver, e é-nos apresentado nos resultados o site da Direcção Regional da Juventude. Clica-se no link por mera curiosidade e o próprio Google avisa-nos do perigo que tal site constituiu para o nosso computador:


Tenham medo, muito medo dos sites do Governo Regional.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Borboletas no jornal

Fui buscar uma imagem a um site, para fazer uma fotomontagem. Por lá encontrei algo que acabou por dar origem a uma crónica no AO. Vista à luz desde episódio, aquela teoria de uma borboleta bater as asas e provocar um tufão no outro lado do mundo ganha toda uma nova sustentação.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Tenho ali um cantinho reservado para vós

Anda por aí em alguns sites de notícias uma publicidade de uma qualquer empresa que empresta dinheiro a quem já esteja completamente atascado em empréstimos. Agora atentem bem nas referências que são feitas no anúncio e digam-me se não seria muito mais lógico e rentável* pagarem-me a mim para colocar esta publicidade por aqui do que andarem a gastar dinheiro noutros sites?


*Pelo menos, seria mais rentável para mim.

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Prémios

As Portas do Mar receberam o prémio de terceiro melhor porto europeu de 2008. Julgo que também vão receber em breve o prémio relativo ao maior número de cafés, restaurantes, bares e similares por metro quadrado às moscas em período de Inverno.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Desaparecimentos naturais

O actual presidente da Câmara da Povoação queixa-se de que o anterior encomendou projectos que não serviram para nada, ficando a edilidade com uma dívida de um milhão de euros. Francisco Álvares lamenta a gravidade da situação e o facto de ninguém ser responsável pela mesma. Para tentar dar a volta a este cenário, recomendo ao autarca que convide o seu antecessor, para uma reunião perto da ribeira que atravessa a vila, e que peça aos bombeiros para se dirigirem para lá com um auto-tanque e para brindarem o dito antecessor com um jacto de água, fazendo-o desaparecer naturalmente ribeira abaixo. Quando alguém perguntar pelo desaparecido, basta dizer que foi levado por algo de perfeitamente banal na Povoação, uma qualquer cheia.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Como garantir uma má disposição

O jantar não me caiu muito bem e eu estava sem saber porquê. Depois lembrei-me que hoje, à hora do jantar, em vez do Telejornal, a RTP-A passava uma interminável sessão do parlamento regional, onde o mais interessante foi a discussão para se saber se era ou não necessário votar o programa do governo. Acabou por se votar... contra a votação.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Cenas da vida quotidiana - A sequência lógica das perguntas

Liga-me uma menina do Maxmat e pergunta se recebi o último folheto da loja. Digo que sim, mas que estava muito desgostoso, pois a primeira página tinha um rasgão que não me permitia ver o preço da máquina de pressão de água que pensava adquirir, para dar banho à minha colónia de pulgas. Não sei se o raciocínio dela foi afectado por eu ter falado em pulgas, mas a seguir a menina perguntou-me se tenho na minha caixa de correio um aviso a dizer para não colocar lá publicidade. Respondi-lhe que não, mas que tenho lá perto um aviso a dizer que se tenha cuidado com o cão.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Boa acção do dia

Assim de repente, penso que hoje é um belo dia para alguém ter uma boa acção para com o senhor inventor das constipações, gripes e derivados. Citando o The Onion, bem que alguém podia localizar esse senhor e depois presenteá-lo com uns disparos, bastonadas, esfaqueamentos, bombardeamentos, estrangulamentos, empalações, electrocussões e injecções letais. Mas tudo de uma forma acidental, porque eu sou contra a violência premeditada.

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Cenas da vida quotidiana - Multilinguísmo

Numa loja desta terra supostamente virada para o turismo, mas que não abre aos fins-de-semana e feriados, encontramos a seguinte informação no horário:

De segunda a sexta

Open 9:00
Close 17:00

Não há nada como a satisfação of a job half done.

domingo, 30 de novembro de 2008

O que tem o dito cujo a ver com as calças?

Há por aí umas quantas pessoas que consumem certas substâncias, para entrarem noutra dimensão, e ainda gastam dinheiro com isso. Não devem saber que, para atingir tal meta, basta passar os olhos pelo Correio dos Açores, onde até a publicidade nos leva para universos paralelos. E nem precisamos de ir além da primeira página do CA de hoje, para vermos um anúncio de uma loja de roupa que "concede 10% de desconto aos seus estimados clientes (quer tenham carro quer não)" (sublinhado meu). É pena não esclarecerem se o desconto também válido para clientes que tenham ou não dedais em casa.

sábado, 29 de novembro de 2008

Injustiças

O AO trouxe ontem para a manchete o julgamento de um traficante de droga que recebe mais de 900 euros por mês de rendimento mínimo. Há por aí tanta gente que critica os beneficiários deste rendimento por não trabalharem nem fazerem mais nada, por isso penso que é uma tremenda injustiça que se esteja a julgar este beneficiário, que revelou uma grande capacidade de iniciativa e uma ainda maior perspicácia para abraçar negócios de elevada rentabilidade.

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Eu, não, gosto, de, soupa, de, couves

Hoje passou-me pela cabeça que ter uma etiqueta aplicada a um só post não é estético, por isso fui-lhe arranjar companhia. Atirei-me ao convite para a abertura do "novo" Centro Comercial Solmar (mudou de nome, se não me engano) e deparei-me com isto:

O Solmar Avenida Center, dá-lhe a possibilidade de usufruir (...) de um desconto.

Será que este "nóvel" empreendimento não tem por lá ninguém, levemente instruído na revisão de textos, que soubesse uma coisinha ou outra mais ou menos básica de Português, como não colocar uma vírgula entre o sujeito e o predicado?

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Hoje é segunda-feira :) VI - Uma vizinhança de aniversários

Interroga-me Maninha, em comentário a este post, se não tenho solução para problemas com os vizinhos de cima. Coincidência das coincidências, hoje é segunda-feira, há algum tempo que não me debruço sobre temas deste quilate e, acima de tudo, faz hoje dois anos que ela bloga. Passei todos estes ingredientes pelo passevit, distorci uma foto da própria Maninha e saíram-me as palavras abaixo.



O vizinho de cima não respeitador do próximo é um espécime que, por natureza, substituiu a sua reduzida inteligência e ainda menor bom senso pelo número do seu andar: “Eu moro no 35.º andar, seu estafermo do 34.º!” São considerações assaz indelicadas, mas que estou certo que rapidamente desaparecerão, caso sejam tomadas algumas providências.

É provável que tal vizinho abra a caixa de correio ao chegar a casa, pelo que lá deverá encontrar uma embalagem com xarope para a tosse, mas que diga em letras gordas “Removedor de Cola”. Depois avançamos com a nossa generosidade e melhoramos o tapete que a criatura tem à porta (ou arranjamos um tapete à medida, caso o dito cujo não use tal apetrecho). E as melhoras passam por ensopá-lo (ao tapete, entenda-se) em cola ultra aderente.

Se se tratar de um casal, podemos ainda promover a concórdia matrimonial. Basta afixarmos na porta uma folha de papel em que esteja escrito algo como: “A cola é uma coisa chata, mas andares a trair-me é bem pior!”

Espero que estas minhas considerações contribuam para que o vizinho mude, pelo menos, de casa... e de cônjuge se achar que tal é pertinente.

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Portanto, em Inglês fica logo bom

Com o alto patrocínio de Tia Bertinha, foi inaugurada uma pista de gelo artificial no Campo de S. Francisco. Para a coisa ser em grande, arranjaram-lhe um nome em Inglês: "Ponta Delgada On Ice". Como "ice", em Inglês, também pode ser um termo do calão para um tipo de droga, o nome do evento pode muito bem ter uma tradução portuguesa como "Ponta Delgada na Droga". Parece-me bem.

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

As tentações de alguns padres

No discurso de tomada de posse, Carlos César disse que "a mudança não é uma expiação, pelo que o Governo nunca deve hesitar em mudar e inovar tantas vezes quantas forem precisas". Ao não querer expiar os seus pecados, o presidente do governo frustrou as expectativas de uns quantos padres que cobiçavam um lugar de assessor no novo gabinente presidencial.

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Se fala assim, só pode ser aquilo

D. Duarte esteve esta tarde no Livramento, onde interveio na inauguração de umas ruas. Quando se aperceberam das suas dificuldades de discurso, muitos populares foram-lhe pedir um autógrafo, pois pensavam que se tratava de um jogador de futebol.

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Eu também queria

Ti Carlins já divulgou a lista dos premiados com uma secretaria regional no novo governo. Há quem se tenha congratulado pela criação de dois novos tachos, perdão, de duas novas secretarias regionais, mas, ainda assim, acho um escândalo que não se tenha criado a Secretaria Regional da Meteorologia Não Necessariamente Profissional.

terça-feira, 11 de novembro de 2008

A formação é a base do sucesso

A PJ informa que, nos Açores, a "impressão das notas [falsas] é descontínua e de fraca qualidade". Julgo que isto é uma prova inequívoca de que as escolas profissionais necessitam de diversificar a oferta de cursos, para que a região não faça má figura em certas áreas.

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Olé barcos olé

Diz-se por aí que há mais uma bronca com a construção do primeiro dos dois novos barcos para o transporte de passageiros inter-ilhas. Em entrevista à RTP-A, o presidente do estaleiro responsável pela construção disse que não teria havido problema se o projecto tivesse sido "ultra bem feito" e que está "ultra convencido" de que a coisa se vai resolver. Com este discurdo, e para garantir que o barco não atrase mais, creio que o dito presidente vai criar uma claque de apoio aos trabalhadores do estaleiro, os Ultra Jangadas.

terça-feira, 4 de novembro de 2008

O eleitor é um fingidor

O Consulado Americano está a promover hoje uma votação a fingir no Parque Atlântico, onde os açorianos podem expressar a sua preferência por McCain ou Obama. E, pelo que diz a RTP-A, têm sido muitas as pessoas que já depositaram o seu voto. Se as coisas continuarem assim, é bem possível que esta votação a fingir tenha uma menor abstenção do que a votação a sério do passado dia 19 de Outubro.

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Vou vender-lhes uma casota de cão

Há pela cidade de Ponta Delgada uns quantos anúncios de uma imobiliária americana interessada na compra propriedades. São anúncios simples: uma folha A4 branca plastificada com uns dizeres escritos a preto. É coisa para passar despercebida, pois talvez queiram angariar clientes sem que alguém se lembre de colocar no Google o nome da imobiliária (JPS Investments Group) e depois descubra notícias como esta.

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Há mar e mar, há ir e não voltar

Está lançada a edição de 2008 da campanha "Salva um Cagarro, Faz um Amigo", onde se apela à população para lançar no mar as jovens crias que encontrem perdidas em terra no seu primeiro voo. Este ano, a campanha viu o seu âmbito alargado, para que Carlos César possa também lançar no mar os membros do governo que não venham a fazer parte do novo executivo. Dizem os defensores desta nova medida que ela ajudará a preservar o ambiente das ilhas.

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Senhora Salvadora do Mundo

Após 430 anos de espera, Berta Cabral finalmente anunciou a sua candidatura à liderança do PSD-A. Ou seja, parece que afinal D. Sebastião é mulher e usa um mau panteado.

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Dores insondáveis

O Sr. Silva, citando o Grande Animador do Carnaval do Funchal, lá voltou a vetar a revisão do estatuto. Mas, desta vez, ele nem esteve desacompanhado e apareceram por aí mais duas eminências (eminência maior e eminência menor) a fazer coro com o boliqueimense mais conhecido do país.

Hesitei no comentário a tecer à performance de todos estes protagonistas, pelo que decidi que a coisa só ia lá com mais uma citação que sintetizasse o meu pensamento sobre a matéria. E não podia ter encontrado nada melhor do que a passagem que abaixo transcrevo de
um artigo de opinião do Magnífico da UAç publicado no passado fim-de-semana:

Diz-se que esta fixação é uma questão de dor! De dor de cotovelo! Segundo os entendidos, mais fina e insuportável do que a mais abjecta de todas as dores, que por decoro me escuso de mencionar!

domingo, 26 de outubro de 2008

Só com marcação sff

Apeteceu-me hoje voltar-me a debruçar sobre a compilação açoriana de gralhas e erros ortográficos, também conhecida por Correio dos Açores. E não o podia ter feito em melhor hora, pois logo na primeira página deparo-me com este belo pedaço de prosa:
Insegurança. É esta a palavra que melhor pode definir o que a maior parte da população da freguesia dos Arrifes sente, quer quando circula, a pé, pelas estreitas e desadaptadas ruas da freguesia, quer nas suas moradias, constantemente assaltas, sem que os larápios tenham dia ou hora marcada para se apropriar do alheio. (CA)

De facto, julgo que é uma falha deontológica gravíssima os amigos do alheio não avisaram o dono da casa, com antecedência, de que no dia x à hora y a vão assaltar. Já agora, podiam avisar também a polícia que assim os deteria em flagrante delito, facilitando todo o processo de prova do crime.

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Um pouco de esforço e seremos os melhores da Europa

O AO de ontem noticia que o número de homicídios já ultrapassou este ano, nos Açores, o valor total do ano anterior. Parece-me um sinal positivo, que certamente ajudará a combater aquela conversa sinistra em que se está sempre a dizer que a região está na cauda do país e da Europa.

domingo, 19 de outubro de 2008

Reforma parlamentar

Costa Neves acaba de dizer que, aos 54 anos, é tempo de fazer outras coisas. Afirma que há vida para além do PSD e que quer acompanhar o crescimento do filho mais novo. Para reforçar a ideia, confirmou que vai ocupar o seu lugar de deputado na assembleia regional.

Romantismo

O primeiro engenheiro do país, também conhecido por José Sócrates, acaba de dizer que Carlos César conquistou não só o voto, mas também o coração dos açorianos. Deve ter sido por isso que o PS trouxe cá Tony Carreira para encerrar a campanha.

Chamar a música

Paulo Estevão acaba de ser eleito deputado pelo Corvo. Com alguma sorte, recebeu lições de fado de Gonçalo da Câmara Pereira, candidato do seu partido por S. Miguel, e sempre teremos música no parlamento regional.

Tapa buracos

A RTP-A encomendou à RTP de Lisboa a dupla de marretas Prof. Marcelo e António Vitorino. Não há dúvidas de que se trata dos melhores artistas de entre todos aqueles que falam, falam e não dizem nada, tornando-os, assim, ideais para encher a emissão entre a projecção e os resultados finais.

sábado, 18 de outubro de 2008

Reflexões

Neste dia de reflexão, pôs-me a reflectir sobre o material de campanha do PDA. (Acho que o dia não era para reflectir exactamente sobre isto, mas que se lixe!) Em grande destaque, no autocoloante que me veio parar às mãos, temos o líder do partido armado em domador de aves. Assim de repente, fez-me lembrar aquele funcionário do Benfica que supervisiona o voo da águia antes dos jogos do dito clube. Ora, será que, se José Ventura for eleito deputado, vamos passar a ter uma milhafre a voar na assembleia regional antes de cada reunião do plenário?

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Cantares chineses

Estes últimos dias de campanha eleitoral foram interessantíssimos. Carlos César encontrou-se com empresários e, no fim, botou faladura, tendo por detrás de si uns caracteres orientais.


Será que era uma mensagem subliminar para os empresários, aconselhando-os a vender o resto das empresas regionais aos chineses?

Mas Costa Neves não deixou Carlos César brilhar sozinho, tendo atingido mesmo aquele que certamente foi o zénite da sua carreira política, ao pôr-se a cantar à janela para meninas em idade pouco casadoira.



Para ver esta estrondosa performance do líder laranja, basta avançar para o minuto 8:04 deste vídeo.

Imagens: RTP-A.

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Sondagem

Ligaram-me de uma empresa de sondagens a perguntar se eu conhecia o cabeça de lista do CDS por S. Miguel. Quando respondi correctamente Pedro Medina, pensei que fosse ganhar algum prémio (um kit CDS ou algo do género). Mas nada. Os tipos do CDS são uns forretas e, em vez de me darem um prémio, fizeram ainda mais uma pergunta: "E onde ouviu falar do nome deste candidato?" Assim sendo, resolvi dar largas à minha imaginação na resposta: "Apesar de Paulo Portas andar por aí a criticar a entrada de imigrantes no país, vi Pedro Medina ao balcão do SEF a distribuir material de campanha, enquanto perguntava pelo estado em que se encontrava o seu próprio processo de naturalização."

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Veja, oiça, mas não o faça

Passou-me novamente pelas mãos um número da Fastflyer e constatei que Ricardo Gomes, esse mago da publicidade (ou será concorrente do Professor Bambo?), voltou a expor ao mundo as verdades que ele próprio leu num qualquer universo paralelo.


Ora vejamos, estamos perante um homem que diz que há quem "Veja, mas não vê!" No entanto, não nos apressemos a julgá-lo, pois este oxímoro é só a ponta do iceberg. É que ele também é pessoa para afirmar que há quem consiga "ver, mas não ouvir" algo na rádio ou ainda "ouvir" uma folha de papel. Alguém tem os contactos de um psicólogo à mão?

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Macho man

Carlos César tem um discurso mal-educado e com laivos machistas, afirmou Berta Cabral, enquanto se lamentava por o presidente do PS/A não ter feito aquele discurso a beber cerveja, a trincar tremoço e a escarrar... sobre Sócrates.

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Partido da Terra ultrapassa Partido Comunista

Hoje passou-se-me que estamos em plena época de caça ao voto, pelo que me esqueci de tirar o som da RTP-A durante o jantar. Como consequência, levei com este belo pedaço de prosa do candidato do Partido da Terra sobre os "prisioneiros" das cadeias: "os criminosos (...) têm obrigação de trabalhar para se sustentarem dentro do estabelecimento." E o que aconteceria a quem se recusasse a trabalhar? Será que seria enviado para a futura Sibéria açoriana? O candidato do Partido da Terra devia de ter mais cuidado, porque, depois de ter sido processado pela SATA por difamação, ainda arrisca um processo do Partido Comunista por plágio.

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Virando um feitiço

Há um sem número de coisas, nesta vida, que devem ser feitas num local apropriado, sob pena das consequências poderem ser, de algum modo, perniciosas. Um exemplo disso mesmo é uma chamada para o número de atendimento a clientes da PT. Hoje, em resultado de um terrível lapso da minha parte, não fiz a chamada a partir de um telefone sem fios. Para agravar ainda mais a minha delicada situação, o fio não me deixava chegar até à casa de banho. E, para tornar a coisa ainda mais grave do que a Crise dos Mísseis de Cuba, a menina da PT dava-me intermináveis minutos de música após eu responder a cada pergunta que ela fazia. Como um homem não é de ferro, quando a música acabou, foi a minha vez de de lhe dizer: "Queira aguardar um momento, porque preciso de ir à casa de banho." E, para concluir epicamente este meu pedido, usei hoje, pela primeira vez, o botão daquele telefone que permite... dar música.

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Casual Friday

Uma pessoa anda a burocratizar para ganhar a vida e abre um email enviado a partir do servidor de uma conhecida multinacional. A última coisa que espera é que na assinatura da mensagem, depois de uns quantos avisos sobre o sigilo profissional que cobre aquele email, apareça uma imagem como esta:

terça-feira, 30 de setembro de 2008

Futuro

Depois de um outdoor onde uma menina fazia o testdrive a um exemplar da bandeira do kit, Ti Carlins tem novo cartaz e slogan de campanha:


Ora, deixa cá ver se entendi a mensagem. O futuro passa por cruzarmos os braços e deixarmos que o governo nos venha dar uma casinha ou o rendimento mínimo ou qualquer outra coisa que garante o voto não só desta, mas também da próxima vez.

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Biodegradáveis

Ouço pelo Telejornal da RTP-A que o PSD usa "bandeiras de pano, biodegradáveis, como mandam as regras." Espero é que a actual liderança do partido também seja biodegradável, para não ficarmos com mais um resíduo sem utilidade a poluir a paisagem depois de dia 19.

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Cavaco no país das maravilhas

Cavaco Silva, que está, neste momento, a receber os sábios conselhos jurídicos do Professor Bambo, para saber o que fazer à nova versão do estatuto, foi agraciado com um colar pela Estónia. No discurso de aceitação, o PR afirmou que se sentia particularmente honrado com a distinção, pois esta vinha de um país que ele muito admira, porque não tem regiões autónomas (pelo menos, foi a informação que o PR recolheu na Wikipédia).

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Ainda faltaram algumas rimas...

... ao novo hino do PSD, tal como Dona Carlota que rimaria com o que vai acontecer ao laranjal no próximo dia 19.



EDIT: Também há por aí um hino de campanha (não sei se oficial) da JS-Açores que nada fica a dever a este do PPD.

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Publicidade encapotada

O governo regional mandou distribuir um panfleto com os rabiscos de uma criança de 8 anos, que serão as novas configurações dos nós rodoviários de Belém e do Hospital.



Muitos dirão que, tal como aconteceu com um certo kit, isto não passa de publicidade eleitoral disfarçada de publicidade institucional, pois o PS teme perder votos com o actual caos no trânsito nestes dois locais nevrálgicos.
Mas estão parcialmente enganados. Isto é, de facto, publicidade, mas publicidade encapotada ao Burger King. Ora vejamos, o nó de Belém é um acesso importante ao Burger King das Portas do Mar e o do Hospital ao Burger King do Parque Atlântico. A juntar a tudo isso, este restaurante de comida rápida distribuiu no mesmo dia, pelas caixas de correio de S. Miguel, vales de desconto.

Parece-me, assim, que aquilo que aqui apresento é uma conclusão mais do que óbvia... e uma teoria da conspiração um pouco menos do que absurda.

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Medalhas

Um jovem açoriano ganhou a medalha de ouro na categoria de carpintaria no Campeonato Europeu de Profissões. Perante este sucesso, tanto o governo regional como o da república anunciaram que já estão a fazer pressão com o intuito desta modalidade de alta competição ser incluída nos próximos jogos olímpicos, para ver se cai mais uma medalhinha para Portugal.

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Impacto ambiental

Os tripulantes de cabine da SATA ameaçam fazer greve nos últimos dias da campanha eleitoral. Quer aqui louvar esta atitude conscienciosa destes funcionários da SATA. No entanto, para se preservar a sustentabilidade ambiental da região, precisamos de mais profissionais a tomar a mesma atitude. Por exemplo, os políticos da oposição podiam fazer greve durante duas semanas, mostrando-se assim verdadeiramente solidários com os trabalhadores da SATA. Quanto aos do governo, ficariam de greve durante igual período, como forma de protesto pela ausência de oposição. Temos acordo?

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Afinal havia outra

Houve por aí quem alguma celeuma, a que se junto um pouco de polémica e contestação qb, a propósito de um certo kit. Agora que me veio parar às mãos um exemplar, percebo que Carlos César foi sensível às críticas da oposição e, para além da bandeira, do CD com o hino, da carta, do livro sobre as insígnias e das 2 bandeiras em autocolante, mandou incluir no kit uma laranja, para que o PSD não se lembre de vir dizer nada sobre o assunto.


PS - A bandeira tem o tamanho indicado para forrar um cesto para um gato dormir.

sábado, 13 de setembro de 2008

Vende-se Presidente da República... ou troca-se por 1kg de autonomia

Cavaco Silva continua muito inseguro, no entanto parece que ainda não comprou um cão. Para que o PR não tenha mais um ataque de ciumeira, recomendo ao governo da república que mande instituir a Região Autónoma do Algarve (mesmo que o resto do continente permaneça por regionalizar), com a presidência do governo em Faro e a sede a assembleia regional em Boliqueime, como é óbvio.

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Momento San

José San-Bento (Zésan para os amigos) comparou ontem o grupo parlamentar do PSD na Assembleia Regional a uma célula extremista. E, subindo-lhe a emoção à cabeça, Zésan avançou decidido e rebaptizou os deputados "laranjas": Mahomet Clélio, Mustafa Bolieiro, Said al-Marinho e Hussein Macedo. Uma intervenção política notável, sem dúvida.

Mas o que pode ter estado por detrás deste momento parlamentar tão extraordinário? Se recuarmos a 1999, e ao heróico congresso da JS-Açores realizado a bordo do navio Golfinho Azul, talvez encontremos a resposta. Sobre as águas, Zésan foi eleito líder daquela agremiação de jovens, com uma moção intitulada Absolut Jota. Ora, estaria ontem Zésan sob a influência de outro tipo de Absolut?

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Há sempre lugar para mais um

Parece que há quem queira construir um novo centro comercial em Ponta Delgada. Ainda vai chegar o dia em que cada habitante da cidade quererá construir o seu próprio centro comercial no seu quintal.

PS - O meu cão acaba de olhar para mim com um ar de quem se está a sentir discriminado. Ele também quer construir um centro comercial na sua casota.

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Rui Soprano

Na sequencia deste post num blogue aqui ao lado, deu-me para fazer uma fotomontagem que esta' ainda pior do que aquilo que habitualmente aparece por aqui, pois foi dada 'a luz no MS Paint.

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Faça uma pausa com... o kit autonomico

Alguns partidos da opisicao queixaram-se do facto do governo regional ter decidido distribuir pelos acorianos um kit autonomico numa altura tao delicada em termos eleitorais. Julguei que o motivo de preocupacao fosse algo de substancial, como o dito kit trazer um cheque no valor da mensalidade do rendimento minimo de uma familia que vive debaixo da ponte com 18 filhos menores. Mas nao. Afinal, parece que a apoquentacao se relaciona tao-somente com uma carta que la' vem assinada por Carlos Cesar. Fico sem perceber esta apreensao dos senhores da oposicao, pois e' sabido que o uso mais criativo que 93,58% dos acorianos dara' a esta carta (votar tambem e' algo de criativo para esses acorianos) sera' fazer um aviao de papel, forar a gaiola do periquito ou coloca'-la no ecoponto azul (e este ultimo uso sera' um grande avanco civilizacional para aquela percentagem de indigenas).

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Contar espingardas

O gasoleo para a agricultura e pescas desceu, nos Acores, quatro vezes durante este mes de Agosto, mantendo-se o preco para os restantes consumidores. Ora, estando nos a menos de dois meses das eleicoes, podemos entao concluir que a taxa de abstencao entre agricultores e pescadores e' mais reduzida do que em outras categorias profissionais.

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Antepassados aeronauticos

Meredith Vieira, apresentadora do programa da manha da NBC, veio aos Acores descobrir as suas raizes. Na sequencia da visita, ja' se prometem viagens a precos especiais para os americanos virem comprovar o passado da dita senhora.

Espera-se agora e' que Jorge Gabriel ou Fatima Lopes venham fazer o mesmo aos Acores (se nao tiverem ascendencia acoriana, o meu avo esta' diponivel para se fazer passar por vosso antepassado), para que depois a SATA tambem baixe o preco das passagens entre os Acores e o continente.

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Pelo faroeste açoriano

Para tentar nao passar despercebido, Costa Neves pensou em grande e andou por ai' aos tiros.

Imagem: RTP-A

O impacto desta accao do PSD foi tanto, mas mesmo tanto que Carlos Cesar ate' precisou de uns oculos 3D para conseguir ver alguma coisa.

Imagem: RTP-A

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Camões e Shakespeare

Ha' muito boa gente que se queixa da invasao de termos ingleses de que o Portugues padece. No entanto, ha' quem lute para tornar o inverso verdadeiro. E um heroi desta causa seguramente nasceu depois de uma visita a Ponta Delgada, onde certamente pôde observar o nome de uma casa de variedades para maiores de 18: Lips. Ora esse heroi so' podia recorrer a uma palavra portuguesa (va' la', com origem latina) para o nome de um estabelecimento localizado num pais de expressao inglesa: Labios. Julgo e' que a especialidade da casa nao sera' a mesma.

sexta-feira, 15 de agosto de 2008

One small step for an amateur meteorologist

Alertado pela Maninha, descobri que este T1 plantado no ciberespaco, que - sublinhe-se - passou a ser o blogue não oficial da Casa Real Açoriana, foi alvo de mencao no Expresso das 9. Nao sei se as novas funcoes deste empreendimento virtual estiveram na base de tal destaque, mas posso garantir que esta referencia e' uma especie de medalha de bronze, sendo a prata o Correio dos Acores e o ouro esse conjunto de folhas que da' pelo nome de Terra Nostra.

Consumo interno

Vejo pelo Telejornal da RTP-A que o governo regional criou uma unidade de aconselhamento para ajudar quem esteja sobreendividado. Ao que consta, trata-se de um servico dirigido 'as empresas publicas criadas pelo proprio governo e pelas camaras, para contornarem os limites ao endividamento impostos por lei.

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Cenas da vida quotidiana - Lost in translation

Um anciao com aparencia asiatica fala em tom mais rispido com aquela que parece ser a sua legitina, enquanto aponta para um aviso: "Please do not remove china from restaurant" (Por favor nao leve louça do restaurante).

domingo, 10 de agosto de 2008

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

A brevidade das coisas

Um dia ouve-se, pelo Telejornal da RTP-A, um perito a dizer que deve ser proibido cozer milho nas caldeiras das Furnas, devido ao risco para a saude publica. Uma pessoa entusiasma-se, porque assim ja' nao precisa de recorrer a nenhum profissional, para mandar alguem desta para outra. No dia a seguir, o Telejornal mostra o delegado de saude a comer milho das caldeiras, dizendo que nao ha' perigo. E la' se vai o meu plano por agua abaixo!

quarta-feira, 6 de agosto de 2008

No lugar certo

Na sala de embarque do Aeroporto de Ponta Delgada, passa um video promocional que diz "Benvindo aos Acores". Quando regressar 'as ilhas de bruma espero encontrar, na zona de chegadas, um video a dizer "Obrigado pela sua visita" - so' por uma questao de coerencia.

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Debaixo de cada pedra de calçada deve haver um

Para mal dos meus pecados, têm-me vindo parar às mãos uns quantos panfletos publicitários de propensão paranormal. Pelo que aqui deixo mais um:


Marabu Giquina, Silá ou o mais mediático Bambo. Tudo nomes que calham que nem uma luva rota num vidente que se preze, pois remetem, desde logo, o candidato a ficar com menos uns quantos euros na carteira para um universo distante, único local onde julga estar a solução dos seus problemas. Agora Victor (ainda por cima com um c mudo que cai com o novo acordo ortográfico)? Victor é o meu vizinho do lado de cima e ele é tudo menos vidente, espiritista, astrólogo ou tarólogo. Ainda se fosse um tarado, aí o nome ficaria bem. Já estou mesmo a imaginar o magistrado do Ministério Público a ler a acusação de assédio sexual: “No dia 27 de Outubro, o arguido Victor disse à ofendida, que saía do consultório do Professor Bambo, que ela era boa com' ó milho e que a transformava em pipoca."

sábado, 2 de agosto de 2008

Evite o tribunal, vá directo à solução!

Uma qualquer religião, seita ou coisa que a valha andou por aí a distribuir uns panfletos como este:


Ora, deixa cá ver se eu percebi. Se você tiver problemas, dirija-se à Rua da Boa Nova em Ponta Delgada. Que é como quem diz, se você tiver problemas, dirija-se directamente à Cadeia de Ponta Delgada.

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

João Jardim? Madeirenses? Não, os açorianos é que são perigosos!

O mundo tal como o conhecemos pode vir a acabar num futuro muito próximo? 99,9% das pessoas dirá que não, mas Cavaco Silva é homem para dizer que sim. Tanto assim é que interrompeu as próprias férias para vir expor ao país, em directo na TV, os seus dramas existenciais face aos novos poderes que o revisto estatuto político-administrativo consagrada à região. Se o Sr. Presidente está assim com tanto medo, já pensou em comprar um cão?

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Cenas da vida quotidiana - Mal entendidos

“Eu não sou racista, mas os pretos incomodam-me.” Um pouco mais atrás, do alto dos seus quase dois metros, um negro olhou com desconfiança a ditosa anciã que se referia unicamente às moedas de valor mais baixo.

domingo, 27 de julho de 2008

Fruta da época

Sem saber o que fazer ao material que comprou na última vez que fez férias na neve, Rui Melo, o magnânimo presidente da Câmara de Vila Franca, decidiu instalar no concelho, durante as próximas semanas, uma pista de gelo artificial. Seguindo a mesma lógica, aproveitou também para anunciar que vai disponibilizar uma praia artificial nos próximos meses de Janeiro e Fevereiro.

terça-feira, 22 de julho de 2008

Lá tinha eu que ser metido ao barulho...

À saída da audiência com o Presidente da República, Carlos César disse:
por causa das condições meteorológicas "quanto mais cedo" se realizar o escrutínio "melhor". (AO)

Perante isto, fico então à espera do convite para ser ouvido pelo PR sobre tão delicada matéria.

sábado, 19 de julho de 2008

Diz-me por onde andas, dir-te-ei quem não és

O PS/A apresenta hoje o seu programa, para as eleições de Outubro, na mesma sala do mesmo hotel onde o PSD/A apresentou o seu programa na passada quinta-feira. Carlos César já mandou desinfestar a sala, pois receia ser infectado por algum vírus da derrota deixado por lá na última quinta.

sexta-feira, 18 de julho de 2008

a e i o u

Esta é mesmo boa. Olhamos para a informação não variável da factura de uma empresa respeitável e esperamos que esteja tudo correcto. Mas não é que uma vizinha minha me fez chegar às mãos um pedaço de uma factura onde se lê:


"Isente"? Mas estamos perante o quê? A primeira pessoa do singular do presente do conjuntivo do verbo isentar? Ou será a terceira pessoa do mesmo número, tempo e modo do dito verbo isentar? Ou estaremos ainda na presença da terceira pessoa do singular do imperativo afirmativo? Não, o que esta empresa queria usar é o adjectivo que se escreve "isento". Com tão bons profissionais de consultadoria e comunicação no mercado local, não custa nada contratar um, até porque dá uma boa imagem à empresa.

PS - Receio que algum espírito se terá apoderado de mim aquando da redacção deste texto. Por isso, agradecia alguma atenção à etiqueta.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Papá, o que quer dizer oferecido?

Quer dizer que custa um euro, meu filho.


Pronto, se o artista não aparecer este ano, sempre são menos uns cobres que a Fábrica de Espectáculos tem de reembolsar.

PS - Um comentário tipográfico levou-me, entretanto, a perguntar ao
Google se me podia esclarecer uma dúvida "gratuita" sobre este mesmo evento. O Diário dos Açores confirmou a promessa "gratuita".

segunda-feira, 14 de julho de 2008

O processo

Depois de ter oferecido aos seus leitores livros e amuletos de sorte, o AO começou hoje a distribuir CDs dos Grandes Compositores. Quando soube da notícia, Carlos César mandou, de imediato, processar o jornal por plágio, pois dar música aos açorianos é marca registada do governo regional.

sábado, 12 de julho de 2008

Cenas da vida quotidiana - Multiplicação

O novo brinquedo tem feito despertar a criança que há em cada micaelense - e parece que também a desperta em gentes de outras paragens -, fazendo as delícias dos senhores e senhoras das empresas de sondagens, pois, desta forma, basta-lhes umas horas nas Portas do Mar, para contabilizar a maior parte dos votos que César, o Obreiro receberá em Outubro.

Mas tal abundância parece ter causado perplexidade numa dessas senhoras inquiridoras da opinião alheia, que questionou alguém próximo sobre o local por onde andariam anteriormente estes espécimenes populares. Mostrando que a formação em vulcanologia e riscos literários sempre serve para alguma coisa, uma especialista astuciosamente respondeu que eclodiu uma caldeira nos Fenais da Ajuda de onde não brota água quente a borbulhar, mas fumega gente sem parar.

A homofonia barata só serve para realçar a visão de futuro do governo regional, ao não concentrar todos os investimentos na cidade maior, pois esta caldeira vai atrair multidões aos Fenais da Ajuda. Resta saber de que centro comercial brotarão elas.

quarta-feira, 9 de julho de 2008

E se elas se deixassem ficar pela cozinha?

[o desemprego] cresceu sobretudo motivado por um grande aumento da população activa, particularmente pela taxa feminina de actividade (Carlos César, RTP-A)

(clicar para ampliar)

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Hoje é segunda-feira :) V

Essa coisa de aplicar etiquetas às mensagens fez-me ver que já tem algum tempo que não me debruço sobre o dia mais incompreendido da semana. Hoje, todavia, o alvo não é de natureza profissional, ficando-se, antes, pela vizinhança (umas certas homilias dominicais publicadas pelo AO sempre tinham de servir de inspiração para alguma coisa).

Ora, então vamos lá ao que interessa. Imaginem aquele vizinho de um andar abaixo do vosso que reúne todas as características que nos dão uma intensa vontade de rogar uma praga, mas não o fazemos, pois suspeitamos da eficácia de tal modus operandi. Resta, então, reunir ao seguintes elementos:

- mini aparelhagem baratucha (não se gasta muito dinheiro com estas coisas) com comando à distância;
- fita dupla face forte, para colar as colunas à aparelhagem;
- CD de uma banda de extreme death grincore (qualquer coisa como isto);
- corda, para fazer descer a aparelhagem até à varanda do vizinho.

Depois de colocada a aparelhagem em varanda alheia, é tempo de dar uso ao comando. É óbvio que convém a coisa ser feita numa noite de domingo para segunda, para tornar o início da semana um tudo-nada mais especial.

Nota final - Não é aconselhável colocar a aparelhagem na varanda do vizinho logo abaixo do vosso andar, mas sim dois andares abaixo, assim rapidamente a vítima culpará o vizinho do andar logo acima.

sexta-feira, 4 de julho de 2008

Cenas da vida quotidiana - Estética

O rosto calejado pela aspereza de 60 anos de uma vida em que duros trabalhos se sucederam, qual deles exigindo uma maior exposição solar. O corpo cansado pelas várias facadas que ele dera e continuava a dar no matrimónio. Mas já diz a intelligentsia que o tempo não perdoa e a concorrência também não. Por isso, o nosso D. Juan deslocou-se à farmácia mais próxima, para reabastecer o seu stock caseiro de anti-rugas, para a noite e para o contorno dos olhos. “Para de dia ainda tenho lá um garrafo.” – disse enquanto se gabava, antes de piscar o olho à senhora que estava ao seu lado no balcão. Mal sabia que a moça que o servia se preparava para lhe fazer uma proposta indecente: “Ó senhor, e o cabelo acho que está a precisar de um tratamento. Não quer levar aqui um shampoo especial?” Atrapalhado, respondeu apressadamente: “A senhora não se preocupe que eu uso sabão branco e azul para a cabeça.”

terça-feira, 1 de julho de 2008

Portões de quinta

Pelo intervalo do Telejornal, vejo o anúncio (fast forward para o minuto 14:40) da inauguração das Portas do Mar, por onde se diz:
Prepare-se para a maior festa que os Açores já viram. Música, luz e cor com artistas vindos dos quatro cantos do mundo.

Fiquei com, pelo menos, duas dúvidas. Neste grandioso espectáculo, os artistas também vão praticar escalada e montanhismo, para ultrapassar o buraco do parque de estacionamento da avenida e mais facilmente chegar às Portas do Mar? E será que, nos artistas dos quatro cantos do mundo, está incluído Carlos César, esse exímio tocador de acordeão?

domingo, 29 de junho de 2008

Campeonato de Operadores de Retroescavadoras

Decorreu este fim de semana pela Ribeira Grande o primeiro Campeonato de Operadores de Retroescavadoras. O vencedor foi o concorrente que conseguiu abrir, mais rapidamente, o maior buraco no orçamento de uma obra.

quinta-feira, 26 de junho de 2008

Cerebrum

Pelo Telejornal da RTP-A, ouço alguém que parece perceber da poda a referir-se ao que os estudantes andam a tomar em época de exames:
procuram produtos (...) que vão ajudar a nível cerebral a estimular a circulação, a oxigenar e, portanto, que lhes dêem um desempenho melhor da sua função cerebral (vídeo)

Quando ouviu a notícia, a Secretaria Regional da Educação mandou colocar brigadas de controlo anti-doping à porta das salas.

terça-feira, 24 de junho de 2008

Será que também me tratam da primeira comunhão?

Vai uma pessoa a um serviço público qualquer e apanha com isto numa declaração:
Fulano de tal, casado, residente em...

Ora, esse fulano de tal até que sou eu, mas agora a parte de casado está-me a escapar. É que eu não me lembro… Quem será a infeliz contemplada (espero ao menos que seja uma ela)? Será que ela tem bigode?

sábado, 21 de junho de 2008

Objectivamente partido

Algures por aqui falei da criação de um novo partido político e da importância capital que tal tem na decoração das cozinhas. Agora, vieram-me parar às mãos três folhas de papel reciclado, de tamanho A4 e agrafadas, onde o Partido da Defesa do Povo enuncia os seus principais objectivos. Lá pelo meio, aparecem, de seguida, estes três desideratos:
Reforma do sistema policial com implementação obrigatória de aulas de artes marciais de defesa pessoal e protecção do povo em ordem à prevenção e liberdade efectiva dos cidadãos e dissuasão da criminalidade, devolvendo-lhe a autoridade e confiança.

Ora, se todos tiverem aulas de defesa pessoal, os fisicamente mais capazes não continuarão a se superiorizar numa escaramuça com os mais fracos? Se calhar, as resposta está no ponto seguinte:
Possibilidade de criação de polícia privada.

Parece-me muito bem, agora não só posso verificar se os meus conhecimentos de artes marciais continuam actualizados (desculpe se lhe parti demasiados ossos) , como ainda posso recorrer ao meu próprio
gang, perdão, corpo policial. Fica tudo dentro da lei, mas qual o papel da PSP no meio disto tudo?
Reforma do Sistema de Saúde da PSP.

De facto, com tanta arte marcial e polícia privada, convém reforçar os serviços de saúde da PSP, pois os agentes passarão lá a vida.

sexta-feira, 20 de junho de 2008

Poupança

Antigamente, os políticos mandavam vir artistas de fora, para abrilhantar as inaugurações. Actualmente, como os tempos estão difíceis, os próprios fazem as vezes de artistas, até porque, se há coisa que eles sabem, é dar-nos música.

quarta-feira, 18 de junho de 2008

Pergunta retórica

Como se sabe quando estamos perante uma pergunta retórica? Quando a mesma é feita por um dentista ao mesmo tempo que nos enfia uma série de instrumentos boca adentro.

terça-feira, 17 de junho de 2008

Era gasolina com exofre sff

Anda por aí uma grande polémica sobre a construção de uma bomba de gasolina, nas Furnas, num terreno onde existem fumarolas. Muita gente devidamente abalizada já veio alertar para os perigos da coisa, mas deixemo-los em paz e ouçamos quem realmente interessa, no caso, os adeptos do tuning que já mandaram fazer um autocolante: "Eu também faço tunnnnning na gasolina, abasteço nas Furnas!"

domingo, 15 de junho de 2008

Remexendo no baú

O mês de Outubro de 2002 viu nascer um número extraordinário desse potentado da informação que não é a Revista Açores. Esta Açores Extra reportava-se ao último trimestre daquele ano, demonstrando algumas passagens da mesma todo o potencial humorístico da tradução automática quando aplicada a este tipo de textos. Ora vejamos (clicar nas imagens, para ampliar):






E, para terminar, la pièce de résistance:


Posfácio - Na nota de abertura, o director da revista afirma:
O número dois, sempre mais difícil do que o primeiro, (...) porque tivemos, agora, a vontade de corrigir alguns erros.

Infelizmente, não tive acesso ao primeiro número.

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Monopólio

O AO de hoje traz para a manchete uma notícia sobre o desempenho de um empreendedor micaelense pela freguesia da Maia:
Usando um pé de cabra e acompanhado de um cão Rottweiler, arrombou de madrugada duas casas, à procura da sua antiga namorada. Moradores fugiram para o telhado. Detido pela PSP, ficou em prisão preventiva.

Julgo que a Autoridade da Concorrência devia dar parecer negativo à prisão preventiva, pois é uma medida que visa claramente afastar este indivíduo do mercado, contribuindo para o monopólio dos detectives particulares no ramo da localização de determinadas pessoas.

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Cenas da vida quotidiana - pontuação

Creio que ele nem procurava uma mente brilhante. E também creio que ela até era rapariga para se esforçar. Mas um dia ela mostra-lhe uma mensagem no telemóvel: "Se quiseres, aparece..." De seguida, pergunta-lhe "O que querem dizer aqueles três pontinhos no fim?"

E lá se vão mais uns pedaços de erudição ouvidos por este mundo.

terça-feira, 10 de junho de 2008

Flight simulator

Veio-me parar às mãos um artefacto publicitário que dá pelo nome de f@stflyer e cujo slogan é "publicidade sem turbulência". Apesar de ser uma página A4 impressa pelos dois lados e dobrada a meio, aquilo é coisa para ter direcção, consultadoria, design, contactos e e-mail. Também é coisa para dizer onde está e, sobretudo, para saber que 35% das pessoas guardaram o n.º zero. Conjugando as certezas sobre esta percentagem com o slogan, recomendo que passem a distribuir este flyer aos passageiros antes do embarque, sempre que o vidente 35% não vislumbre turbulência no Oráculo de Bellini daquele voo.

sábado, 7 de junho de 2008

Deslealdade

O governo regional acaba de patrocinar o lançamento de um novo portal sobre sexualidade. Para além da informação que já se encontra por lá, os visitantes podem ainda colocar questões. Quando soube da notícia, a Revista Maria anunciou que vai processar o governo regional por concorrência desleal.

sexta-feira, 6 de junho de 2008

6 de Junho Europeu

Ele continuava a ser o maior dos independentistas açorianos. Para o provar, colocou uma bandeira portuguesa na varanda.

Nota de culpa - Assumo que, pela primeira vez, o Correio dos Açores serve de inspiração a um post, onde não se tece nenhuma crítica construtiva ao dito jornal.

Racismo

Conheço quem vá buscar a cadela da vizinha, trazendo-a até sua casa, para gáudio do seu cão. Para os mais curiosos, os dois canídeos são colocados em trela e mantidos a uma distância segura um do outro, pois a carne é fraca. No outro dia, ao deslocar-se à casa da vizinha (nada de confusões com a mítica garagem da vizinha), essa pessoa encontrou um familiar da dita que, por acaso, é negro e que lhe perguntou: "Vens buscar a preta?"

quarta-feira, 4 de junho de 2008

Corisca

Uma certa aprendiz da nobre arte meteorológica (não sei se na vertente amadora ou profissional) é donzela para apanhar desprevenido mesmo quem já viu uma anaconda a comandar uma fragata da força aérea. (E creio que também é bem capaz de tirar o lugar a Patrícia Navarro e a outras pessoas cuja capacidade de previsão faz concorrência à das bruxas e profissionais similares.) Procurava, então, a minha pessoa os vocábulos que melhor plasmassem tudo o que representa um certo grupo diletante que pulula por estas bandas geográficas, quando a tal aprendiz me desautoriza e tem o desplante de ter uma casual epifania que etiqueta toda esta gente como intelligentsia corisca.

PS - A coisa era para ter saído originalmente em Português, mas estava a ver se a Dr.ª Bertinha me contrata para traduzir umas coisinhas sem grandes asneiras, daí a opção pela segunda língua de George W. Bush. Acho que a fidelidade desta minha amostra é inquestionável, sobretudo no que diz respeito ao tom dos dois textos.

The sun also rises at night

The revered art of meteorology has attracted to its ranks the most diverse and unsuspected people. João José Fernandes, Pedro Mata and Patrícia Navarro are just a few cases where a handful of droplets of rain have germinated an uncanny ability to wildly predict the elements. I am led to suppose that a witch would be more accurate. And I am not alone in my believe. The immensely talented and disconcertingly witty commentator, who has feasted in this blog over the last few days, certainly agrees with me. “aprendiz de meteorologista,” the upbeat nickname behind which she hides, is just the façade covering a much greater creative world – a world where the veil concealing some precious gems is withdrawn when you least expect. Sensing my imminent failure in the struggle for words of some sort that could effectively describe a pseudo-many things group of people, she needed not to quarrel with her mind, despite the nightly hours, to utter a simple yet all-encompassing label: intelligentsia corisca.

terça-feira, 3 de junho de 2008

Ao deitar tarde e tarde erguer, uma consulta você vai ter

Os utentes do Centro de Saúde da Lagoa queixam-se, porque têm de se levantar às 4 da manhã, para conseguir marcar uma consulta. O Secretário dos Assuntos Sociais já prometeu uma solução para o problema, garantindo que vai ser estabelecido um protocolo com as discotecas do concelho, ao abrigo do qual tais estabelecimentos passam a disponibilizar programas para a terceira idade, permitindo aos idosos sair de lá directamente para o centro de saúde, deixando assim de ter que acordar cedo.

domingo, 1 de junho de 2008

Cenas da vida quotidiana - educação infantil

Depois de uns anos desterrada por terras do chamado estrangeiro, regressou recentemente à ilha pátria uma personalidade cuja vasta erudição se revela, sobretudo, nos momentos em que profere impropérios. Mesmo sem que alguém a tenha ensinado, esta mãe de família é capaz de fazer com que, por mais breves que sejam os instantes com ela compartilhados, estes atinjam níveis de excelência.

Prefere, então, ela vociferar “vá p’à vagina da tua avó” no lugar do mais comum “vá p’à vagina da tua mãe”, o que só pode ser fruto do seu estatuto de filha adoptiva. Nestes casos, ensina-nos a psicologia familiar que “avó” tem um poder argumentativo que a figura maternal jamais conseguiria replicar. Interessante é que ela também recorre à paradigmática “vagina da avó” quando ensina boas maneiras aos filhos, o que levanta toda uma série de problemas genealógicos. A que avó se refere ela? À sua progenitora de facto ou à adoptiva?

Achei que era pedagógico recordar estes episódios, que os meus sentidos tiveram a infelicidade de sorver, no dia mundial que hoje se comemora e que é dedicado aos seres que podem ser vítimas de pedófilia.

sexta-feira, 30 de maio de 2008

E não se aconselham antes comigo

Houve ontem uma demonstração nas Portas da Cidade, em PDL, sobre reaproveitamento de objectos, reciclagem e outras coisas de dizem fazer bem ao ambiente. Lá pelo meio, apareceu um pneu transformado em forno, com o criador a elogiar a sua criação:
Nós colocamos aqui o tacho com o alimento e, se tiver sol, ao fim de 20 minutos os alimentos estão completamente confeccionados. (RTP-A)

É óbvio que as nuvens dominaram ontem o céu, já para não falar que nos Açores, acima de tudo, chove.

quinta-feira, 29 de maio de 2008

As certezas do Zé

Zé Manel, Zé Manel Barroso, Durão Barroso, ou lá como o senhor agora se chama, foi entronizado confrade do Queijo de S. Jorge, tendo a cerimónia tido lugar no parlamento europeu e não nos Açores. Alguns podem estranhar a opção por este local, mas Zé Manel disse que não pretendia regressar a estas ilhas, pois poderia voltar a ver coisas sobrenaturais, como provas da existência de armas de destruição maciça no Iraque.

quarta-feira, 28 de maio de 2008

Lauro Dérmio apresenta

O mundo é feito de enganos, como o facto de eu ter clicado em "guardar agora", em vez de ter pressionado o botão esquerdo do dispositivo ergonómico que dá pelo nome de rato quando o cursor do dito cujo pairava sobre "publicar mensagem". Resultado: este pedaço de texto ficou esquecido como rascunho até eu ter dado por ele... quase um mês depois - sou uma pessoa atenta.

Veio-me para às mãos um conjunto de folhas com uma capa cor de vinho que muito me alegrou o espírito (Guia das Festas de Ponta Delgada 08). Não, não foi a cor que despertou tais sentimentos, mas tão somente o seu conteúdo - e nem arrisquei passar da primeira página, onde se lê em editorial:
As festas de aniversário da cidade, que se realizam em conjunto com as festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres

Ou como se diz em Inglês: The celebration of the city anniversary which is realized together with the great festival of Senhor Santo Cristo dos Milagres

I'd never realized that a celebration could actually realize anything.


Ou como essa pessoa diria em Português: Eu nunca tinha realizado que uma celebração podia actualmente realizar alguma coisa.

segunda-feira, 26 de maio de 2008

Matemáticos obesos

Joaquim Machado, o robótico porta-vez dos últimos tempos do governo de Ti João Bosco, intitula o seu artigo de hoje no AO com a sugestiva conclusão: "Como a matemática engorda os alunos".

O meu antigo professor de uma cadeira extremamente útil na UA, onde a imparcialidade do docente para com o governo regional era inferior à que se regista num comício do PSD, condena a decisão de incluir 19 exercícios sobre o excesso de peso num exame de matemática.

Para variar, e apesar de ser por razões diferentes, estou totalmente de acordo com o ponto de vista deste cronista de variedades. Com os conhecimentos de matemática da grande maioria dos alunos portugueses, é bem possível que um jovem com 142cm e 128kg conclua que é anoréctico ao calcular o seu índice de massa corporal.

domingo, 25 de maio de 2008

Turismo

Anda para aí o governo e demais entidades incontinentes a esforçarem-se para diversificar a origem dos turistas que visitam os Açores, e depois aparecem uns quantos defensores da legalidade, do direito internacional, da Convenção de Genebra e de outras coisas sem interesse a criticar a passagem pela região de prisioneiros a caminho de Guatanamo Bay.

quinta-feira, 22 de maio de 2008

À frente do seu tempo

Sempre na senda da modernidade, a SATA andou por aí a apresentar umas novidades:
O novo portal, mais funcional, vai pois (...) dar ao passageiro, de qualquer zona do mundo, a possibilidade de fazer a reserva e comprar, frente ao computador, a sua viagem (AO)

Ao ler isto, só fiquei com uma dúvida: estamos em 2008 ou 1998?

terça-feira, 20 de maio de 2008

Tabela de Snellen

Nos últimos dias, o AO anda a oferecer uns livros de bolso junto com o jornal. Só é pena que não ofereçam também uma lupa.

sábado, 17 de maio de 2008

Num mundo paralelo

O AO de hoje fala na existência de casos de consumo de droga no quartel dos Arrifes. Muito boa gente parece ter ficado surpreendida com tal facto, mas eu acho a ocorrência um reflexo natural dos tempos actuais, em que um soldado português só consegue entrar em combate no decorrer de uma trip.

terça-feira, 13 de maio de 2008

Medo, muito medo

Ele há coisas capazes de deixar uma homem aterrorizado, mas nada como ir levar uma injecção e apanhar um enfermeiro que diz com uma voz extremamente efeminada: "Vai ser no rabo."

sexta-feira, 9 de maio de 2008

Realpolitik

Foi anunciada a criação de um novo partido político, um tal de PDP – Partido da Defesa do Povo. Acho de uma importância capital tal notícia, pois um partido político é algo que fica sempre bem numa cozinha, especialmente naquele espaço entre o fim dos armários e o frigorífico. É um partido político ou uma barata morta, qualquer um fica bem lá – até porque são um bocado semelhantes.

quarta-feira, 7 de maio de 2008

Um classy insulto

Os criadores do nóvel GTA4 decidiram incluir um bairro português em Liberty City, onde somos presenteados com alguns insultos na língua de Camões & friends (ver sobretudo depois do minuto 1:35):



"Fucking gagalhão" vai já para o meu livro de referência de insultos.

segunda-feira, 5 de maio de 2008

Presentes

Há por aí uma nova campanha a incentivar o uso dos ecopontos e onde se afirma: "sempre que colocar uma embalagem no ecoponto não está só a dar um presente ao ambiente, mas também a todas as mulheres portugueses." Aproveitei esta magnífica ideia e ontem, em vez de oferecer algo à minha mãe no respectivo dia, fui colocar o Correio dos Açores no ecoponto.

domingo, 4 de maio de 2008

Injusto

Um rápido passar de olhos pelo calendário foi suficiente para me aperceber da tremenda injustiça cósmica que foi reservada à semana que hoje se inicia.

20 - 26 Abril: 25 de Abril
27 Abril - 3 Maio: Segunda-feira do Santo Cristo + Dia do Trabalhador
4 - 10 Maio: (sem feriado)
11 - 17 Maio: Dia da Autonomia (aka Dia da Pombinha do Mota Amaral)
18 - 24 Maio: Quinta-feira do Corpo de Deus

Perante a gravidade da situação, desafio Carlos César a declarar um feriado esta semana, em homenagem a qualquer órgão do seu corpo.

domingo, 27 de abril de 2008

Necessidades fisiológicas portáteis

Abundaram, este ano, pelas festas de uma determinada santidade, que hoje tiveram o seu ponto mais alto, uns cartões brancos com algumas colorações. As pessoas usavam esses cartões para se sentarem, ficando numa pose muito semelhante a quem está instalado numa sanita. Será que essas pessoas se estavam a defecar para a festa, com o alto patrocínio da Câmara Municipal de Ponta Delgada e demais anunciantes?

quinta-feira, 24 de abril de 2008

Mail da década

Para quem se dedica a estas questões internéticas há mais de 10 anos, receber mails absolutamente estapafúrdicos não é propriamente novidade. Agora, há sempre quem consiga ir um pouco mais além:
Epá, diz-me aí que horas são

domingo, 20 de abril de 2008

A entrevista

Houve alguém que apenas existe em potência, mas que me desafiou a formular umas quantas perguntas para colocar ao primeiro-ministro, durante a sua deslocação do dia de hoje aqui à ilha de S. Miguel. Depois de muito pouco matutar, julgo que encontrei um conjunto suficientemente abrangente de questões. Atente-se:

Sr. Primeiro-ministro, é conhecida a atenção que dá ao seu guarda-roupa. Qual é a sua marca de fatos preferida?

E, já agora, a cor, qual é a que gosta mais?

É verdade que só usa gravatas Hugo Boss?

Quanto às meias, prefere com 79 ou 93% de algodão?

E os seus cintos, quantos furos é que têm?

Ouvi dizer que é grande fã de relógios Alain Silberstein, é verdade?

Entrando agora noutra área. Prefere equipamento Adidas ou Nike quando faz jogging?

E as sapatilhas, confirma que têm de ter lá gravado o logótipo da Hello Kitty?

Para finalizar, porque não costuma usar boné durante o jogging?

Enfim, podia ter feito perguntas sobre outros assuntos, mas não me quis armar em esperto, por isso limitei-me a questões sobre as áreas de que o primeiro-ministro percebe.

sexta-feira, 18 de abril de 2008

Poluições

Um italiano residente nos Açores decidiu processar não sei bem quem, por causa da poluição causada pela bosta de vaca na via pública. É uma atitude interessante, mas não vejo a mesma preocupação do dito cidadão em relação a outras ocorrências de natureza similar. Então, onde está uma providência cautelar para impedir que, este fim de semana, no Teatro Micaelense, decorra uma actividade que é também uma enorme fonte de poluição, um congresso partidário?

quinta-feira, 17 de abril de 2008

The wrong saint

Estava para aqui a ver o Jornal da Tarde (RTP1), quando ouço isto:
Vamos ver se a meteorologia ajuda. A imagem de Nossa Senhora de Fátima está sempre presente aqui no court principal do Jamor e bem que hoje podia fazer uma pequeno fazer ao director do torneio (video)

Eu não sou especialista em meteorologia religiosa, mas não é S. Pedro que superintende esses fenómenos?

domingo, 13 de abril de 2008

A prova

Há muita gente que duvida da vontade manifestada pelo Grande Animador do Carnaval do Funchal em não se recandidatar a novo mandato na presidência da República das Bananas. No entanto, julgo que tais receios são totalmente infundados. Ora atente-se nas palavras do timoneiro madeirense no final do congresso do PSD local no passado fim-de-semana:



Está mais do que visto que Jardim já arranjou algo muito mais divertido para fazer depois da reforma: escrever argumentos para filmes porno. E já não era sem tempo que alguém trouxesse uma lufada de ar fresco a esta indústria e colocasse "espíritos a auto-masturbarem-se".

sexta-feira, 11 de abril de 2008

Inveja

Há quem, nos últimos dias, tenha tentado abusar do meu estatuto de meteorologista amador, para tentar saber qual melhor forma de combater o frio primaveril que ataca sobretudo à noite. A todas estas pessoas, apenas tenho a dizer que vós* sóis uma cambada de invejosos que queria ter sido convidada para acompanhar Carlos César na sua visita a Cabo Verde, onde dizem que o calor é a especialidade da casa.

*É óbvio que também estou incluído neste grupo, pois gosto de me referir a mim mesmo na segunda pessoa.

terça-feira, 8 de abril de 2008

Sensações

Lúcio Salsa, ex-jogador de futebol que militou em alguns emblemas açorianos, foi detido por suspeita de assalto a bancos. Quando lhe perguntaram o motivo por detrás de tais assaltos, terá dito que queria unicamente sorver a mesma sensação que um árbitro experiencia dentro do campo.

domingo, 6 de abril de 2008

Sai mais uma conferência de imprensa para equilibrar

Está a causar grande indignação, nos meandros da oposição açoriana, o estudo da ERC que concluiu que o tempo de antena do governo regional e do PS na RTP-A é substancialmente superior ao das demais forças políticas. Com a sua reconhecida capacidade para a auto-análise e auto-crítica, a oposição já fez mea culpa e disse que o problema está no governo.

Aparentemente, tal conclusão tem tudo para ser estapafúrdica, mas só alguém de vistas curtas não alcançará a grandeza dos argumentos aduzidos. Ora, atentemos no programa de apoio às férias dos idosos. Apesar da provecta idade de muitos “laranjas”, “azuis-e-amarelos” e “vermelhos”, em geral, não é que o governo lhes castrou o acesso ao tal programa ao colocar a idade mínima nos 60 anos? Impede-se, assim, os velhinhos e as velhinhas da oposição de ir arejar as ideias para outro lado e enviar os vídeos pessoais da experiência para divulgação na RTP-A. Desta forma, o Telejornal fica limitado aos vídeos de publicidade mal encapotada ao governo, onde até, por 25 "ouros", se "doutoriza" Ti Carlins (fast forward para o minuto 22:50):



terça-feira, 1 de abril de 2008

Bem prega Frei Tomás

A coisa já data do Domingo de Páscoa, mas por recear assassinar o meu solitário neurónio, não passo os olhos pelo Correio dos Açores todos os dias. Hoje, como era dia das petas, achei a altura ideal para executar tal tarefa em alguns números mais antigos da compilação açoriana de gralhas e erros de Português.

Logo pelas páginas iniciais, fiquei para Deus me levar (ou terá sido menente?) com o que o(a) perfeitamente identificado(a) comentador(a) de variedades Maria Corisca escreve:
quando quiserem mandar alguma denúncia para publicar nos meus recadinhos têm de assinar como fazem todos os outros (…) porque isto de dizer que têm medo… é preciso acabar. (CA, 23.03.08)

Também há por aí umas outras coisas que, se acabassem, não se perdia nada… ou perdia-se umas boas gargalhadas!